noticias800 Chuvas Intensas que atinge o Rio Grande do Sul já deixaram 11 Mortos

Brasil

Chuvas Intensas que atinge o Rio Grande do Sul já deixaram 11 Mortos

Os temporais já deixaram 11 mortos, 21 desaparecidos e 11 feridos e afetam mais de 100 cidades, Governo do Estado decretou situação de calamidade pública.

Publicada em 02/05/2024 às 08:23h

por Manoel Macedo


Compartilhe
Compartilhar a not�cia Chuvas Intensas que atinge o Rio Grande do Sul já deixaram 11 Mortos  Compartilhar a not�cia Chuvas Intensas que atinge o Rio Grande do Sul já deixaram 11 Mortos  Compartilhar a not�cia Chuvas Intensas que atinge o Rio Grande do Sul já deixaram 11 Mortos

Link da Notícia:

Chuvas Intensas que atinge o Rio Grande do Sul já deixaram 11 Mortos
Alagamentos no Rio Grande do Sul  (Foto: Reprodução )

 

O Rio Grande do Sul decretou estado de calamidade pública nesta quarta-feira (1º) pelos "eventos climáticos de chuvas intensas". A decisão foi publicada em edição extra do Diário Oficial do Estado.

O decreto destaca que o Rio Grande do Sul é atingido por chuvas intensas, alagamentos, granizo, inundações, enxurradas e vendavais de grande intensidade, sendo classificados como desastres de Nível III - caracterizados por danos e prejuízos elevados.

Com a entrada em vigor, fica decretado que órgãos e entidades da administração pública estadual prestarão apoio à população nas áreas afetadas. Acrescenta que poderá ser encaminhada solicitação semelhante por municípios, que serão avaliadas e homologadas pelo Estado.

O Decreto deve vigorará por 180 dias segundo o governo do Rio Grande do Sul.

O governador do Rio Grande do Sul disse nesta quarta que o temporal que atinge a região desde segunda-feira (29) "será o maior desastre do estado". Eduardo Leite (PSDB) comparou a situação com as tragédias de 2023, que mataram dezenas de pessoas, e admitiu a dificuldade de resgatar todas as pessoas afetadas.

A manifestação foi feita durante entrevista coletiva na sede da Defesa Civil, em Porto Alegre. Os temporais já deixaram 10 mortos, 21 desaparecidos e 11 feridos, segundo a Defesa Civil. O último boletim informou 4,4 mil desalojados e desabrigados no estado.

Uma 11ª vítima, uma adolescente de 17 anos, teve o corpo localizado pela Polícia Civil após um deslizamento de terra em Santa Maria, na Região Central do RS. A identidade dela não foi divulgada. A morte ainda não consta no balanço da Defesa Civil.

"Nós não teremos capacidade de fazer todos os resgates, porque está muito mais disperso nesse evento climático que a gente está vivenciando. E com dificuldades, porque ali as chuvas não cessam. O estado tem tido dificuldades para acessar as localidades", disse Leite.

O governador pediu que as pessoas que vivem nas cidades afetadas saiam de casa, porque as forças de segurança não conseguem chegar a todos os locais para resgate.

Fonte:G1.com.br




ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário

Captcha
Insira os caracteres no campo abaixo:








Nosso site JK NEWS Nosso Whatsapp 89994107734
Copyright (c) 2024 - JK NEWS
Converse conosco pelo Whatsapp!